Acessibilidade:

Laboratório de Simulações de Alto Desempenho - LSAD - Instituto Federal do Espírito Santo

Área Educação
Valor R$ 431.860,00
Município São Mateus, ES

Descrição do Projeto: 

O projeto proposto tem como objetivos: 1) a reestruturação e consolidação do Grupo de pesquisa; 2) a formação de recursos humanos; e 3) a diminuição da evasão escolar.
Como descrito anteriormente, o Grupo de pesquisas em Mecânica dos Fluidos (GPMF) é um grupo emergente, sendo hoje o grupo de pesquisa com mais participantes no campus. Entretanto, necessita de aporte financeiro para a sua reestruturação, o que possibilitará a continuidade dos trabalhos, que utilizam a dinâmica dos fluidos computacional para resolver problemas de cunho social, ambiental e industrial.

No que se refere à formação de recursos humanos, o Grupo já contribui para a formação complementar de alunos de graduação e para a formação continuada na pós-graduação. São desenvolvidos hoje no Grupo: 1 trabalho de doutorado, 6 de mestrado e 12 de graduação. Com o desenvolvimento do projeto, pretende-se dar continuidade à formação de recursos humanos e possibilitar a participação da comunidade externa ao Ifes nos projetos desenvolvidos pelo Grupo, seja na graduação ou na pós-graduação. Também serão desenvolvidos dois cursos de extensão por ano, um em fluidodinâmica de processos e outro em interação fluido estrutura.

Os cursos de extensão, assim como os projetos de pesquisa desenvolvidos pelo Grupo, têm por objetivo capacitar a comunidade para a utilização de ferramentas computacionais para a resolução de problemas de engenharia, além de mitigar um grande problema para a área de educação no momento que é garantir a permanência do aluno na escola, desafio que se tornou ainda mais crítico devido à situação atual que vivemos em função da pandemia de COVID-19, que aumenta o risco de evasão escolar. O envolvimento de alunos em atividades extracurriculares, como projetos de pesquisa, não serve apenas para complementar o currículo do aluno, mas para a sua formação de forma integral. As atividades extracurriculares permitem o desenvolvimento de outras habilidades que nem sempre são desenvolvidas em sala de aula, como o despertar do interesse do aluno pela área, diminuindo o índice de evasão escolar e a capacidade de trabalho em equipe.

Apesar das atividades de pesquisa terem um importante papel na formação do educando, devido a falta de recursos, materiais e humanos, nem sempre se tem acesso a este tipo de atividade. Como forma de se contornar esta dificuldade, a computação tem se tornada uma grande aliada que permite o desenvolvimento de pesquisas como atividade complementar ao ensino. Entretanto, no norte do Estado do Espírito Santo, há carência de Grupos de pesquisa consolidados que permitam este desenvolvimento. O Grupo de Pesquisa em Mecânica dos Fluidos (GPMF) já desenvolve este trabalho de forma modesta, mas que pode ser potencializado com o aporte dos recursos deste projeto.

Metas: 

As metas apresentadas a seguir referem-se aos dois anos da referida proposta, mas serão expandidas nos anos seguintes com a continuidade dos trabalhos.

- Projetos de Iniciação Científica: ofertar vagas de iniciação científica para alunos do Ifes, da Ufes e de outras instituições de ensino da região. Espera-se com esta ação, além da formação complementar do aluno, promover o intercâmbio entre as instituições e estender as oportunidades para os alunos destas instituições que nem sempre tem acesso a estas oportunidades (12 vagas).
- Trabalhos de Conclusão de Curso: ofertar vagas para o desenvolvimento de trabalhos de conclusão de curso, para dar a oportunidades aos alunos utilizarem esta ferramenta (mecânica dos fluidos computacional) para solucionar problemas de cunho social, ambiental e industrial (4 vagas).
- Mestrado e Doutorado: ofertar vagas de mestrado e doutorado para promover a capacitação de recursos humanos e o intercâmbio entre alunos de graduação e pós-graduação (3 vagas).
- Cursos de extensão: ofertar cursos de extensão para empresas e comunidade, estendendo a utilização dos recursos e oportunidade para o público externo ao Ifes (40 vagas).
 

Resultados Esperados: 

O Grupo de pesquisas em Mecânica dos Fluidos (GPMF) foi criado de acordo com a missão do Ifes, de ofertar ensino público, gratuito e de qualidade, para atender às demandas da comunidade e empresas da região. O Grupo já possui vários membros (atualmente é composto por 5 pesquisadores, sendo que um destes desenvolve o doutorado dentro do próprio Grupo sob orientação do proponente, 6 alunos de mestrado e 12 alunos de Iniciação Científica e Trabalhos de Conclusão de Curso). Com a reestruturação do laboratório (LPMF), novas vagas para a pós-graduação poderão surgir, permitindo que pessoas da região possam cursar o mestrado ou doutorado em engenharia mecânica, sem a necessidade de irem para a capital do Estado (a 200 km de distância) para desenvolverem o trabalho, dado que o proponente é professor efetivo do Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica da Ufes (PPGEM/UFES) e alguns de seus orientandos desenvolvem o trabalho no LPMF em São Mateus (atualmente 1 aluno de doutorado e 2 de mestrado do PPGEM). O proponente também é professor colaborador do Programa de Pós-graduação em Engenharia Metalúrgica e de Materiais do Ifes (PROPEMM/Ifes) e junto a um outro professor do Grupo, coorientam 3 trabalhos de mestrado que estão sendo desenvolvidos no LPMF.

Espera-se com estas ações ampliar as oportunidades de capacitação no norte do Estado do Espírito Santo e permitir aos alunos se envolverem em atividades extracurriculares que despertem o interesse pela área de engenharia, diminuindo a possibilidade de evasão escolar.
 

Beneficiários: 

Além das vagas para a pós-graduação, novas vagas de iniciação científica (IC) surgirão com a implantação do projeto para alunos do Ifes e de outras instituições de ensino da região. Este intercâmbio institucional trará benefícios a todas as instituições envolvidas. Nos dois primeiros anos do projeto pretende-se abrir 12 vagas para IC, sendo 8 para alunos do Ifes e 4 para alunos de outras instituições. Quanto aos trabalhos de conclusão de curso (TCC), nos dois primeiros anos, pretende-se abrir 4 vagas.

Outra linha de ação refere-se aos cursos de extensão. Durante os dois primeiros anos do projeto, pretende-se ofertar 4 cursos de extensão com 20 horas de duração e previsão de 10 alunos em cada, totalizando 40 vagas. Estes cursos serão ofertados tanto para a comunidade como para empresas da região.

Vale ainda ressaltar que, embora de forma mais introdutória, o aplicativo é utilizado na disciplina de mecânica dos fluidos II, atendendo a um grupo de 40 alunos por ano, além dos alunos dos projetos Sama-baja e FAM Aero-design que também fazem uso do aplicativo de simulação. Portanto, mais de 140 alunos serão beneficiados, já nos dois primeiros anos, com a implantação do projeto.